Existe alguma especificação para a mangueira do gás?

Sim. A mangueira deve ser normatizada, pode ser de borracha, tramas de aço, ou a mais comum, feita de plástico (PVC) transparente, trançada, com uma tarja amarela onde estão gravados o prazo de validade (5 anos) e o código NBR-8613, uma garantia de que foi fabricada segundo padrões técnicos de segurança. O comprimento máximo dessa mangueira, independentemente do material, é de 1,25 metros.

A mangueira pode passar por trás do fogão?

Não é recomendável. Nunca encoste ou passe a mangueira por trás do fogão, chame a assistência técnica do fabricante e solicite a alteração da entrada da mangueira. O calor pode danificar o plástico da mangueira e provocar vazamentos. Quando for absolutamente necessário passar a tubulação de gás por trás do fogão ou no caso da distância ser maior que 1,25 m, utilize tubo de aço ou de cobre ao invés de mangueira de PVC.

Como devo acondicionar o botijão reserva?

O botijão sempre deve estar em local arejado, protegido contra o sol, chuva e umidade, para evitar danos ao recipiente tal como ferrugem. Guardar o botijão em local fechado é perigoso pois em caso de vazamento o gás poderá ficar confinado e causar acidente.

Como o botijão deve ser transportado?

O botijão deve sempre ser transportado em veículo aberto, na posição vertical e adequadamente preso.

Porque o fundo da panela fica preto?

Quando há falta de ar (oxigênio) ou excesso de gás, forma-se a carbonização. A carbonização é um efeito de má regulagem de chama, e não da “qualidade” do gás. Quando não há quantidades suficientes de ar, o Carbono do GLP não reage totalmente, formando o Monóxido de Carbono (CO). Se o combustor for bem regulado, o produto resultante de uma combustão completa é o Dióxido de Carbono (CO2), caso contrário forma-se a carbonização que é o fundo de panela preto.

Se o botijão está cheio, porque não sai gás?

Primeiramente não confundir ausência de gás com baixa pressão. O gás pode estar saindo, porém pode estar com baixa pressão, que pode ser por excesso de consumo – efeito de súbito e alto consumo que leva o gás no interior do cilindro de gás a congelar, isso faz com que a pressão caia e tenha-se o efeito de não haver mais gás para consumo.Assim como pode ter havido alguma válvula ou dispositivo de bloqueio fechado, interrompido ou parcialmente obstruído, o que deve ser verificado cuidadosamente, pois, por exemplo a válvula reguladora de pressão pode estar bloqueada por falha ou quebra interna.
Obs.: há equipamentos modernos (fornos e fogões por exemplo Bosch/LG/Brastemp) que têm controle de fluxo de gás por solenóides, e que podem bloquear a passagem do gás por motivos elétricos, independendo de disponibilidade de gás ou não.

Está cheirando gás no ambiente inteiro, pode explodir?

Essa certeza só podemos ter quando dispusermos de aparelho de medição da quantidade e concentração de gás presente no ambiente, chamado de “explosímetro”. Mas geralmente o odor está bastante significativo antes de o gás encontrar-se em sua faixa de mistura explosiva, que no caso do GLP é de aproximadamente entre 1,8 e 9,5%  de gás para o restante da mistura em ar atmosférico para que possa ignitar.

O “gás de cozinha” é tóxico? Ele explode?

O GLP, ou gás de cozinha, não é tóxico. Por ser um hidrocarboneto (Carbono e Hidrogênio), ele apenas desloca o Oxigênio presente, e assim torna-se asfixiante.O GLP só explode quando em proporções de 1:9 com ar atmosférico e em confinamento de espaço, caso contrário quanto ao confinamento, ele é apenas inflamável.

Porque a chama não está azul?

A chama azul indica que a combustão está correta, ou seja, os parâmetros de mistura adequada na pressão correta estão em conformidade. Quando a chama não apresenta o azul-violeta, deve-se procurar o acerto mais propício às condições de queima adequadas.